Bruno Ministro

databases:
Arquivo Digital da PO.EX
ELMCIP Knowledge Base

alguns trabalhos:

2017

window.setInterval (poema digital, forthcoming)

Todos os direitos reservados (livro, forthcoming [Candonga]).

Collected Works (2008-2016) (livro conceptual, julho 2017 — ed. autor).

#02, Remote Procedure Call, da série inc/ush (artefactos verbivocovisuais, abril 2017 – wip [Candonga]).

Ordning (publicação experimental, abril 2017 [Candonga])

2016

Nigerian Prince! (poema digital, 2016)

re-ah: a leitura de reinvenção ou a releitura da invenção (instalação poética transmedial, com Liliana Vasques, 30 junho a 22 julho @ Galeria da Boavista, Lisboa. Evento realizado no âmbito do Festival Silêncio 2016 e incluído no Ciclo Ana Hatherly: Anagrama da Escrita. Descrição dos trabalhos apresentados no caderno que acompanhou a exposição e registo fotográfico no Arquivo Digital da PO.EX.

Cabaret Voltagem (re-apresentação da performance, com Nuno Miguel Neves e Tiago Schwäbl, 1 julho 2016 @ O Bom O Mau E O Vilão, Lisboa. Segunda versão da performance desenvolvida no Salão Brazil em Coimbra. Evento realizado no âmbito do Festival Silêncio 2016 e incluído no Ciclo Fronteiras.

1_100 (poema digital, 2016).

Cabaret Voltagem (performance final, com Nuno Miguel Neves e Tiago Schwäbl, 13 abril 2016 @ Salão Brazil, Coimbra. Performance de apresentação do resultado da residência artística desenvolvida a convite do Serviço Educativo do JACC, integrada no projeto multidisciplinar “Das palavras nascem sons dos sons nascem ideias”.

Porra Manas — 4ª edição (com Nuno Miguel Neves e Sandra Guerreiro Dias, performance poética, 8 março 2016 @ Ateneu de Coimbra, Coimbra.

Cabaret Voltagem (1ª apresentação, com Nuno Miguel Neves e Tiago Schwäbl, performance e poesia sonora, 24 fevereiro 2016 @ Salão Brazil, Coimbra.)  Performance no âmbito da residência artística no Serviço Educativo do JACC, integrada no projeto multidisciplinar “Das palavras nascem sons dos sons nascem ideias”.

2015

Vagabundagens Poéticas: Regresso às Aulas (com Nuno Miguel Neves, performance e poesia sonora, 17 setembro 2015 @ Salão Brazil, Coimbra.) Parte 1: Júlia Zuza, Maisa Antunes, Olga Coval e Pires Laranjeira. Parte 2: Bruno Ministro e Nuno Miguel Neves.

Fs = μs Fn (com Nuno Miguel Neves e Sandra Guerreiro Dias, poema sonoro, julho 2015)

Caldeirada de Pêxe Maluque (21 março 2015, na comemoração do dia mundial da poesia). Com Liliana Vasques, Mário Lisboa Duarte, Nuno Miguel Neves e Zé Eduardo @ Mercearia de Arte, Coimbra.

2014

Cidade Nenhuma (com fotografias de Luís Belo, livro, novembro 2014 [Medíocre])

Somos Todos Camões: um esbardalhamento poético à grande e à portuguesa (9 junho 2014, na comemoração do dia de Portugal, de Camões e das comunidades). Com Ana Carolina Martins, Mário Lisboa Duarte, Nuno Miguel Neves, Ricardo Soares e Sandra Guerreiro Dias @ Clube Recreativo dos Anjos, Lisboa.

Põe Nivea Que Isso Passa (com Liliana Vasques, “streecker poetry”, maio-dezembro 2014 [Candonga])

. ] quinquilharia [ > (livro, fevereiro 2014 [Candonga])

inc/ush (postais com poesia visual, fevereiro 2014 – wip [Candonga])

#01, sem título, da série inc/ush (artefactos verbivocovisuais, fevereiro 2014 – wip [Candonga]).

2013

tantascoisasparadizer (poema digital, novembro 2013)

Poesia Ú~ Dia Inú~  (poema digital, agosto 2013)

então não (chapbook, agosto 2013)

Sócrates & a alegoria cavernosa: um poema narrativo (vídeo-registo de performance sonora, abril 2013)

Antes de 2013

A falta que nos faz sermos gente grande com “g” pequeno de geração idiota e escrever um coro de excelsas vozes sobre coisas que não têm futuro, manifesto publicado e gravado no âmbito do Dia do Manifesto / Coro das Vontades (com Sandra Guerreiro Dias e Pedro Beleza, poema para construção de peça musical e instalação, Teatro Maria Matos, Lisboa, julho 2012)

ápex num ápice (chapbook, junho 2010)

Poemografias: de uma justaposição a uma posição justa (exposição de poesia visual, outubro 2009 @ Hall do Auditório da Reitoria da Universidade de Coimbra)

pestana de fogo: linfócito (com Luís Belo, poema hipertextual, junho 2009)

poemas publicados nas plataformas electrónicas Poema Visual (Brasil) e M58 (Reino Unido).

participação nas revistas Oficina de Poesia e Via Latina (Coimbra), Debaixo do Bulcão (Almada), Callema e Ler (Lisboa), Confraria (Rio de Janeiro, Brasil)

participação na Portuguesia – 2ª Festa da Poesia Lusófona (Vila Nova de Famalicão, 2010) e na IV Bienal de Poesia de Silves (Silves, 2010).

outras latitudes:

blogue desactivado: anatomia de uma fera em fuga
blogue pouco activo: hypomnemata digital
practice-based research: hacking the text

outras cartografias:

colectivo aranhiças & elefantes (setembro 2007 a setembro 2013)

blogue de “escangalhanço”
página no Facebook
canal no Youtube

álbum de poesia sonora e experimental desde que nasceu: vende-se compra-se oferece-se procura-se (também documentado no arquivo PO-EX.NET)

organização e dinamização do Poetry Slam Coimbra (dezembro 2011 a dezembro de 2013)

Anúncios